Solução Integrada de Gestão

Solução Integrada de Gestão

Estima-se que em 2020 o mercado de software ERP valha mais de 41,96 biliões de dólares pelo evidente impacto que tem nas empresas.

O valor mencionado acima é impressionante, mas para aqueles que nunca usaram um ERP torna-se difícil de entender porque é que é importante num negócio. Mas, uma vez que a globalização desafia o mercado e as várias indústrias, é essencial encontrar um para manter o seu negócio atualizado e competitivo. Para um grande número de empresas a maior competitividade é alcançável através de um software ERP.

O que é isso de ERP?

Um Enterprise Resource Planning - ERP é um software que as empresas usam para gerir o negócio de forma centralizada e integrada entre departamentos. É especialmente usado por empresas que têm cadeia logística para que seja possível acompanhar todo o processo desde a produção à distribuição. No entanto, um ERP pode ser usado em diferentes indústrias - saúde, instituições sem fins lucrativos, construção, entre tantas outras. As organizações que precisam de gerir os seus colaboradores, clientes e o inventário podem confiar nos inúmeros benefícios de um ERP.

Um ERP armazena toda a informação numa base de dados, permitindo aos departamentos trabalharem de forma transversal sob a mesma informação.  Adicionalmente, estes dados podem ser organizados, analisados e transformados em relatórios.

Um ERP reúne em si a gestão de clientes, recursos humanos, Inteligência artificial, gestão financeira, inventário e logística num só sistema.

Para quê usar um ERP?

Aqui tem 8 razões pela qual um ERP se distingue dos demais tipos de software que existem no mercado:

1. Mais dinheiro poupado

Apesar de existirem algumas hipóteses no mercado, com possibilidade de pagamento flexível, o investimento num ERP é ainda algo significativo para uma empresa. Para muitos, o custo habitualmente excessivo é um impeditivo para avançar, no entanto, depois de avançar o ROI (return of investment) é muito positivo.

A solução de gestão myBusiness365 foi criada com o intuito de ultrapassar a dificuldade das pequenas empresas em adquirir um software ERP. As licenças têm preços entre os 60 e 80 euros, os serviços têm valores a partir dos 6500 euros e o suporte a partir dos 750 euros – valores francamente abaixo do mercado. E há um factor completamente diferenciador: através de um período de fidelização de 3 anos, é possível pagar o investimento, de forma diluída, mensalmente e durante esse período de tempo.

Um ERP unifica muitos dos sistemas que estavam isolados na sua organização.

Ao unificar estes vários sistemas, irá ajudar os seus colaboradores a utilizarem o seu tempo de forma mais eficiente. Do desenvolvimento do produto ao pagamento de contas, a sua equipa irá recorrer a apenas um sistema central para obter todas as informações de negócio.

Outra vantagem é a diminuição do número de horas em formação necessárias aos novos colaboradores sobre os vários sistemas a utilizar na empresa, passa a existir apenas um!

2. Maior colaboração

Tal como mencionado anteriormente, a principal vantagem de um ERP trata-se da unificação que surge ao unir todos os dados numa só plataforma, passível de ser gerida e acessível por todos os colaboradores da empresa. E essa fonte de informação torna-se a única e mais confiável entre todos. Uma só central de dados reduz a hesitação ou obstáculos durante os projetos, uma vez que toda a sua equipa tem acesso à mesma fonte. Não há a necessidade de copiar a mesma informação em vários sistemas de informação.

A informação está compilada, armazenada, partilhável e acessível através de um sistema apenas, por isso não há a preocupação de validar a mesma.

3. Melhor análise

Uma central de informação também ajuda a sua empresa a obter melhores análises e relatórios. Uma vez que um ERP grava e armazena todos os inputs de informação, torna-se numa excelente ferramenta de inteligência empresarial!

Através do myBusiness365 consegue criar relatórios variados em apenas alguns minutos!

O ambiente de trabalho do ERP é customizável, por isso pode optar por entrar no seu sistema e a primeira informação que vê são relatórios. Estes relatórios podem incluir tudo desde receita a declarações de despesa, ou KPI’s que dão insights sobre determinadas funções.

Isto permite a qualquer gestor tomar decisões mais rápidas perante determinados resultados. Deixa de ser dependente da equipa de IT para obter os relatórios que precisa!

4. Maior produtividade

Usando métodos tradicionais é inevitável ter tarefas tediosas, tais como criar relatórios, gerir inventário, acompanhar e processar encomendas e ocupa muito do tempo dos colaboradores. Para além de serem processos morosos, são tarefas que retiram a motivação aos colaboradores e aumentam a possibilidade de erro humano – ao fim de um par de horas a inserir linhas com informação qualquer um é susceptível a erro!

Se optar pela solução correta para si, um ERP pode automatizar estas tarefas aborrecidas e redundantes e o sistema fará os cálculos em minutos – os colaboradores ficam mais satisfeitos e mais produtivos e no final temos um aumento do ROI.

5. Clientes mais Felizes

A gestão dos seus clientes nunca foi tão importante. Nesta era digital, cada vez mais pessoas consultam a internet para receber conselhos sobre as roupas que devem vestir, o que comer e como viver a vida! Para além disso, 84% dos consumidores acreditam cegamente nas críticas online.

A melhor forma de aumentar a satisfação do cliente é oferecer-lhe produtos e serviços direcionados, do seu interesse. Um ERP torna isto possível: 1º, a maioria dos ERP pode integrar facilmente com uma ferramenta de CRM (customer relationship management). Através do ERP, o CRM tem acesso aos dados das áreas de negócios.

Para além da informação de contacto, a integração de um CRM pode mostrar-Pode consultar detalhes do histórico do cliente, informação sobre compras, etc. Desta forma consegue agir de forma mais uni direcionada! Quem sabe sugerindo alguma oferta que faça sentido a um cliente, ou enviando informação para ele relevante? Alguma campanha?

6. Compliance e Gestão de Risco Simplificados

As empresas crescem e por vezes iniciam negócios em países diferentes e pode ser difícil acompanhar as diferentes normas que se impõe nos negócios. Mesmo as empresas locais precisam ter a preocupação de estar a par da regulamentação ambiental, de segurança de informação e recursos humanos.

Felizmente, muitos ERP já são construídos sobre estas regulamentações, como é o caso do myBusiness365! Mais do que isso, o software ERP oferece ferramentas de auditoria que ajudam a documentar uso de químicos, provisões tributárias, entre outros.

Uma solução de gestão permite ainda a gestão do risco. A confiabilidade e precisão em todas as fases nesta solução melhoram a gestão financeira, uma vez que diminui a probabilidade de erros de contabilidade. Estão ainda incluidas ferramentas de previsões que permitem aos utilizadores preverem eventos, no que diz respeito à procura, mão de obra e budget. Com esta informação pode criar budgets, horários e planos de desenvolvimento de produto mais seguros.

7. Monitorização Melhorada do Inventário

O maior desafio para empresas em crescimento é acompanhar e monitorizar os níveis de inventário. Um software ERP utiliza vários métodos para manter o inventário atualizado – permite rastrear os níveis de inventário em armazéns diferentes, que items são transportados e quais estão nas prateleiras prontos para os consumidores. Este trabalho transforma a recolha, o embalamento e a expedição em algo muito preciso e exato, sem surpresas.

Através do ERP, os utilizadores podem configurar os KPIs para verem p. ex. quais os produtos que mostram grande procura, quais os que não se vendem, etc. Com a precisão fornecida pelo ERP, os responsáveis de armazém podem obter em tempo real informação sobre o inventário para tomarem as melhores decisões para o negócio.

8. Gestão de Recursos e Planeamento de Produção Melhorados

Paralelamente à gestão do inventário, o software ERP também permitem gerir a produção. O software fornece insights sobre todas as operações, incluindo da linha de produção. Isto permite à empresa, otimizar o calendário da produção, o equipamento e a mão de obra necessária de forma a maximizar a capacidade.

Adicionalmente, os gestores de ERP podem gerir o stock e o imobilizado. A gestão do imobilizado permite aos utilizadores programar a manutenção de equipamentos para reduzir o tempo de inatividade, melhorando a sua relação entre a rentabilidade e o fornecimento.

Conclusão:

A importância de um software ERP é mais do que o custo inicial, o tempo ou esforço envolvidos na implementação. Se optar pelo myBusiness365 para a sua pequena empresa, dar-lhe-emos a nossa opinião profissional sobre a melhor solução para aquilo que procura.

A solução de gestão tem um interface atual e muito intuitivo e é 100% cloud o que lhe oferece uma enorme independência – pode trabalhar a qualquer hora e em qualquer lugar e se o negócio crescer, facilmente o ERP pode acompanhar!

Para além disso, integra com MS Office 365 e todos os aplicativos mais comuns: Outlook, Word, Excel, entre tantos outros.

Terá ainda a possibilidade de trabalhar com aplicações de Business Intelligence que lhe darão insights poderosos sobre o seu negócio.

Joana Pinto Dias, Product Marketing Manager